Fascismo, Bolsonaro e a frente ampla

Júlio Turra
Júlio Turra

O grupo de base do DAP Centro (São Paulo) promoveu um debate com o companheiro Júlio Turra, do comitê nacional do DAP, no último dia 16, para discutir sobre fascismo e as questões relacionadas: fascismo, governo Bolsonaro e a tal frente ampla.

A atividade contou com a presença do companheiro Manoel Del Rio, militante histórico do Diretório Zonal do Centro e organizador do movimento de luta por moradia na região.

Manoel Del Rio
Manoel Del Rio

A apresentação de Julio iniciou-se com breve relato do surgimento do fascismo na Itália, e do nazismo na Alemanha, além do bonapartismo na França do século XVIII, que é fundamental para podermos tentar entender o que é Bolsonaro e o seu governo.

A questão das frentes

Na sequência, discute-se a armadilha da frente ampla e dos manifestos, já rechaçada por Lula e Gleisi. Essa frente ampla tenta atrair o PT para um acordo “por cima”, sem que haja garantias da devolução dos direitos sociais tomados dos trabalhadores.

Conclusão e avaliação

A conclusão do debate apontou como necessária e urgente a tomada das ruas, com todas as medidas de segurança necessárias por causa da pandemia, e que isso já vem ocorrendo em outros países do mundo.

O debate foi importante, pois ajudou a esclarecer questões importantes sobre o governo e sobre os caminhos a serem percorridos pelo PT, CUT e movimentos sociais.

Osvaldo Schiavenato

Gostou? Comente sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: